terça-feira, 29 de novembro de 2011

Em dias de nevoeiro é assim ...

Roios, a partir da Sr.º da Lapa em Vila Flor
(Click na imagem para aumentar)
Santuário de Nossa Senhora da Assunção, a partir da EN 214, que liga Vila Flor à Trindade.
.
(Click na imagem para aumentar)

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Palheiros redondos em Maçores (Concelho de Torre de Moncorvo)

Numa visita a Maçores no concelho de Torre de Moncorvo, chamaram-me a atenção os palheiros redondos, não sendo os únicos do concelho, pois em Urros existe um grande aglomerado de palheiros de planta arredondada, sendo originais na região transmontana, uma vez que a maioria dos palheiros têm uma planta retangular.
Os palheiros são de uma construção em pedra bastante rústica, onde antigamente se guardava a palha, animais, produtos e utensílios agrícolas.
Apesar de ter verificado, que alguns já sofreram, algumas modificações, ainda são muitos os que conservam a sua arquitectura original, sendo eu da opinião, que deveria haver incentivos para que os seus proprietários, os conservassem originais.   

Numa próxima postagem, publicarei algumas fotografias dos palheiros em Urros.

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

sábado, 19 de novembro de 2011

Capelinhas em dia de chuva e nevoeiro (Vila Flor)

Hoje dia 19 de Novembro, em Vila Flor a chuva e o nevoeiro marcou presença, mas não foi motivo suficiente para ficar em casa. Pois quem disse, que tempo de chuva não é bom para fotografar?! 
O resultado foram estas duas imagens, entre outras, captadas na Sr.ª da Lapa, não esquecendo é claro o corpo molhado.

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Marco Geodésico no Cabeço de Santa Marinha (Sampaio)

Quem sobe ao Cabeço de Santa Marinha, em Sampaio - concelho de Vila Flor, não lhe passa despercebido o Talefe ou Marco Geodésico, que ali se encontra. 
Talefe ou Marco Geodésico é um sinal que indica uma posição cartográfica exacta e que forma parte de uma rede de triângulos com outros vértices geodésicos. São escolhidos sítios altos e isolados com linha de visão para outros vértices.
A rede geodésica portuguesa é formada por vértices geodésicos que se dividem em três ordens:
- 1ª Ordem - pirâmides distando 30 a 60 km;
- 2ª Ordem - cilindro mais cone listados distando 20 a 30 km;
- 3ª Ordem - cilindro mais cone distando 5 a 10 km.
A sua localização determinada por coordenadas especiais que definem com precisão a sua posição no terreno e no mapa, exerce um papel de fundamental importância na localização de qualquer obra ou empreendimento na superfície terrestre. Os Marcos Geodésicos apresentam-se como um importante instrumento para a atualização cartográfica.

Estas imagens foram captadas aquando de uma Subida ao Cabeço de Santa Marinha em Sampaio , em  2 de Outubro de 2010.

domingo, 6 de novembro de 2011

O Douro escondido pelo nevoeiro


Fotografias: Imagens captadas no dia 27 de Novembro de 2010, a partir do Santuário de Santa Barbara na Lousa - concelho de Torre de Moncorvo, donde se tem uma vista magnífica do Rio Douro, mas nesse dia o Douro encontrava-se escondido pelo nevoeiro, que pairava ao longo do rio.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Vista geral de Codeçais

Click na imagem para aumentar
Vista geral da aldeia de Codeçais, pertencente à freguesia dos Pereiros - concelho de Carrazeda de Ansiães.

terça-feira, 1 de novembro de 2011